Livros · Resenha

RESENHA: Não Faz Sentido – Por trás da câmera

Não Faz Sentido - Por trás da câmera
Era para essa resenha ter sido publicada semana passada, na segunda para ser mais específica, mas a faculdade está ocupando demais o meu tempo, inclusive meu feriado foi muito animado junto com meus livros, caderno e resumos. Só que eu não podia deixar essa semana sem post de novo, por isso estou escrevendo nessa madrugada de domingo para segunda e mais ou menos do mesmo jeito que é escrito o livro Não Faz Sentido – Por trás da câmera. Pelo título e a foto que está aí em cima, é óbvio que a resenha é do livro escrito pelo Felipe Neto, fundador da Paramaker e que causou muita polêmica quando criou o canal Não Faz Sentido. Sim, queridos leitores do blog, eu acompanhei os primeiros vídeos do Felipe, gostei e quis que o livro dele fosse o meu primeiro do projeto de livros nacionais que a Gabi já comentou aqui no blog. Sem mais delongas é hora de escrever sobre o livro do cara que percebeu o poder da internet e revolucionou.

RESENHA:
Não é uma autobiografia, não é a história de quando o Felipe Neto nasceu, sua vida na escola, sua família, seus amigos e amores. É a história do Não Faz Sentido, o canal que ele criou no YouTube. Até porque se fosse sobre a vida do Felipe eu não teria lido. Mas temos sorte dele ser uma pessoa sensata e ter escrito um livro sobre o que alguns brasileiros adoram, odeiam e outros nem sabem o que é: o Não Faz Sentido. Porque, qual fã do canal não gostaria de saber como ele foi criado? Qual desocupado que adora falar mal e xingar não gostaria de mais um motivo para continuar fazendo isso? A ideia de escrever um livro contando do nascimento do Não Faz Sentido, as coisas boas e ruins que ele trouxe, e o início da Paramaker foi incrível. Nunca iria imaginar que os óculos que o Felipe usava nos vídeos foi encontrado na praia de outra cidade (ele mora no RJ) e que a câmera ficou muito tempo parada até ele resolver gravar alguns vídeos. Aposto que nenhum fã do canal imaginaria, por isso é muito legal saber sobre os bastidores e foi exatamente o que Felipe fez, só que de uma maneira diferente e sincera. Ele conta os momentos felizes, de medo, dúvidas, depressão (acreditem o Felipe ficou depressivo) e muitas outras coisas.

Em um capítulo Felipe diz que merece o julgamento do leitor, mas para uma pessoa na idade dele, na época, que vê sua vida mudar drasticamente de uma hora para outra é difícil controlar o monstro da vaidade. Por isso, se você estiver lendo Felipe Neto, (o que eu duvido) eu não te julgo, só espero que nunca mais faça essas merdas. O que me surpreendeu enquanto lia foi perceber que acompanhei o crescimento do canal desde os primeiros vídeos. Quando ele citava um deles no começo do livro a lembrança de quando eu assisti pela primeira vez e o que tinha achado ocorria imediatamente. Inclusive, o vídeo Não Faz Sentido! – Gente que escreve errado estava nos meus vídeos do Orkut! E só me recordei quando ele comentou no livro, mas não foi apenas esse vídeo que me fez dar uma volta no tempo. O de gente colorida, Justin Bieber, shopping, os polêmicos Fiukar e Crepúsculo também. Principalmente porque li a saga Crepúsculo, o  que me fez quase chorar de rir e concordar com tudo que o Felipe fala no vídeo. O motivo é que o fato de ter gostado da saga não fez com que eu me tornasse lunática (como algumas fãs), afinal as invenções e várias coisas que a Stephanie escreveu eram absurdas. Só que na época eu não era tão crítica e procurava ignorar algumas coisas. Por essa razão acho que, de alguma forma, esse e os outros vídeos do Não Faz Sentido possam ter me auxiliado nesse sentido.

Não Faz Sentido
Contado de uma maneira que faz com que você sinta que está batendo um papo com Felipe Neto, o livro ainda muda de assunto drasticamente quando ele se lembra de alguma coisa no meio da frase. É como se eu estivesse escrevendo sobre o livro dele e de repente escrevesse que ganhei de Natal e que comecei a ler nas férias de Janeiro, nesse mês estava muito quente aqui na minha cidade, por isso não consegui nem jogar Just Dance 2014 já que não iria aguentar ficar soando mais do que normal e que o Felipe Neto fez um vídeo jogando esse jogo e que estou escrevendo uma resenha sobre o livro dele. Tá, não é bem assim que ele muda de assunto, mas é só para vocês terem uma ideia.

Além de tudo isso e de ficar falando ”Não acredito!” “Idiota.” ”Nossa, nunca pensaria que foi assim.” durante a leitura, o livro Não Faz Sentido – Por trás da câmera também me ensinou várias coisas. Como não ter presa para fazer algo, se tiver uma ideia e acreditar nela que vale a pena arriscar, todos sentem medo, mas que não podemos deixar ele nos dominar e principalmente não esquecer quem somos. Também quero deixar registrado que agora tenho uma prova para as pessoas que me falavam ”Não acredito que você gosta dos vídeos desse cara que fica gritando e falando palavrão” e eu respondia ”Como você tem certeza que ele é assim na vida real? Isso é só um vídeo de internet e esse óculos deve significar algo” e significa, o Felipe do Não Faz Sentido não é o mesmo do que fica atrás da câmera. Para finalizar deixo vocês com um vídeo do Felipe Neto falando sobre o livro quando ele foi lançado.

NÃO FAZ SENTIDO – POR TRÁS DA CÂMERA
Autor: Felipe Neto
Editora: Casa da Palavra
Páginas: 271

Por: Yasmim Bragaia

Anúncios

2 comentários em “RESENHA: Não Faz Sentido – Por trás da câmera

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s